Conselhos para comprar um bom corta sebes

Conselhos para comprar um bom corta sebes

Corta-sebes e motosserras são dois dos artigos mais procurados na nossa loja virtual quando o Natal se aproxima. Sobre as motosserras já escrevemos um artigo há algumas semanas para oferecer-lhe uma série de passos para escolher a melhor máquina a partir das suas necessidades, lembra? Agora faremos o mesmo com o corta-sebes, essas máquinas imprescindíveis em qualquer horta ou jardim e que, ainda, podem ser a prenda perfeita que estava a buscar para este Natal. Hoje, em nosso blog: “Conselhos para comprar um bom corta-sebes”. E se tiver alguma dúvida, já sabe: contacta sem problemas o nosso Serviço de Atenção ao Cliente, um grupo de profissionais de ponta que, com prazer, prestarão assessoria à sua compra.

 ómo Elegir un buen Cortasetos

O que é um corta-sebes

Para escolhermos bem o tipo de corta-sebes que vamos dar como prenda (a nós mesmos ou a um ente querido), o primeiro passo é conhecer esse tipo de máquina de jardim e saber mais ou menos como funciona.

De forma sucinta, poderíamos dizer que um corta-sebes é uma máquina para cortar, podar e recortar que está equipada com um motor, uma espada de corte e um cabo. Estas seriam as três partes essenciais de um corta-sebes e o design e a funcionalidade de cada máquina faz com que existam diferentes modelos. Vamos ver com mais detalhes cada uma dessas partes.

 

O cabo

Qualquer corta-sebes deve incluir um cabo que nos permita segurar a máquina com as duas mãos para trabalhar com total segurança e que esteja desenhado de tal forma que as hastes projetadas ao podar não acabem cravadas em nossas mãos. Nesse cabo encontraremos, também, o gatilho ou botão que nos permite ligar a máquina uma vez que a tenhamos bem agarrada com as duas mãos.

Alguns modelos de corta-sebes profissionais incluem um cabo especialmente desenhado para evitar as vibrações que, logicamente, acontecem quando trabalhamos com sebes muito grossas ou quando temos que passar várias horas utilizando o corta-sebes. Em alguns casos, também será interessante escolher um corta-sebes com um cabo giratório para trabalhar com arbustos e ramos próximos à parede ou que tenham crescido em ângulo.

 

A espada de corte

A espada de corte, por sua vez, é a encarregada de podar e esculpir os arbustos e, para cumprir bem com a sua função, deve dispor de dentes bem afiados que, junto com a velocidade imprimida pelo motor do corta-sebes, permitir-nos-á fazer um trabalho elegante e rápido. A manutenção de todas as partes do corta-sebes é fundamental para prolongar a vida desse nosso maquinário de jardim, mas manter a espada de corte do nosso corta-sebes limpa, engraxada e bem afiada não somente fará com que dure mais tempo em perfeito estado, também fará com que nossos trabalhos de corte e poda sejam mais rápidos, e seguros. Além disso, quanto mais afiada e engraxada tenhamos a espada de corte do corta-sebes, menos o motor que gera movimento sofrerá, algo que, a longo prazo, resultar-nos-á sempre favorável.

Elegir cortasetos

 

O motor

Como ocorre com qualquer máquina de jardinagem, o motor de nosso corta-sebes é o elemento estrela da máquina, é o coração e a parte que mais influencia no preço final. Os motores dos corta-sebes diferenciam-se tanto pela cilindrada que têm como pela fonte de energia que utilizam para funcionar. Com isso, encontramos corta-sebes a gasolina, a eletricidade ou a bateria (um tipo de corta-sebes sem fios que os apaixonados por jardins pequenos, ou que têm tomada acessível, escolhem cada vez mais).

Essas seriam as partes comuns em qualquer corta-sebes, mas, como bem sabe, há tantos modelos diferentes quantos sebes para cortar. Assim sendo, como escolher o melhor corta-sebes? Que modelo é o mais adequado? Veremos isso a seguir.

Guia de compra de corta sebes

Corta-sebes a gasolina ou elétrico? Mais ou menos potente? Com fios ou sem fios? Mais ou menos pesado? Na hora de escolher o melhor corta-sebes para presentear ou para uso próprio, podemos observar vários detalhes, mas, para falar de forma mais concreta, podemos dizer que há algumas variáveis-chave para acertar o máximo possível em nossa compra de um corta-sebes barato, bom e “bonito”: o tamanho do quintal ou jardim, as características das sebes a serem cortadas, e, claro, o orçamento com o qual cada um de nós contamos.

Vamos ver cada uma dessas características, uma a uma:

 

  1. Escolher um corta sebes: o tamanho do quintal ou do jardim

O tamanho da superfície a ser trabalhada é, talvez, o primeiro fator a ser considerado na hora de adquirir um corta-sebes confiável e económico. Para falar de forma geral, poderíamos dizer que um quintal urbano ou jardim caseiro não precisa de um corta-sebes a gasolina profissional, senão de um corta-sebes elétrico, bastante leve, fácil de se manter, que tenha uma boa longitude de corte e que não nos dê problemas a médio e longo prazo.

Por outro lado, se tiver de cortar sebes e arbustos num jardim, terreno ou quintal de tamanho mediano e utilizar o corta-sebes um dia sim, outro também, fará um melhor investimento se optar por um corta-sebes semiprofissional de uma boa marca, como o da Alpina, que contém umas lâminas de 600 mm e uma capacidade de corte de até 25 cm de grossura.

Outra opção interessante é escolher um corta-sebes elétrico de gama média de uma empresa que tenha também boa reputação e com uma potência e uma capacidade de corte similares às dos melhores modelos de corta-sebes a gasolina.

 

  1. Escolher um corta sebes: o orçamento

A rigidez dos ramos dos arbustos ou das sebes, a altura ou espessura são determinantes na hora de escolher o melhor corta-sebes para um jardim. Por exemplo, se tiver que acondicionar um jardim pequeno que não esteve bem cuidado nos últimos anos, com sebes e arbustos velhos e altos, aconselhamos que escolha um corta-sebes comprido com uma potência média, um peso suportável e várias posições de corte.

Outra opção que encanta os apaixonados pela jardinagem doméstica é o corta-sebe sem fios, uma máquina leve e bastante potente com a qual se trabalha muito bem sem ter que estar arrastando cabos.

 

  1. Escolher um cortasebes: o orçamento

O terceiro fator-chave na hora de escolher o melhor corta-sebes para dar como prenda ou para uso próprio é a questão de sempre: o preço.

Felizmente, hoje em dia existem modelos de corta-sebes de qualidade a preços acessíveis, a oferta é tão ampla e variada que faz com que essa ferramenta básica de jardinagem esteja ao alcance de todos os bolsos. Clique aqui e comprove com os seus próprios olhos!

 

cortasetos barato